Um grupo de Amigos fazem churrasco com carne de gato em Camaçari.

 Um grupo de Amigos fazem churrasco com carne de gato em Camaçari.
Compartilha
[wp_bannerize group="Pub - Inferior notícias" random="1" limit="1"]

Nesta quinta-feira (14/01), um grupo de amigos da cidade de Camaçari, Região Metropolitana de Salvador, foi em denúncia por crime de maus-tratos aos animais.

O Grupo de Apoio e Proteção ao Animal de Rua (Gapar) (@gaparoficial) denunciou as postagens no Instagram, e com grande repercussão, o perfil em que as imagens foram divulgadas, foi logo removido das redes.

O Ministério Público Estadual (MP-BA) tomou conhecimento do caso através de um e-mail anônimo com fotos retiradas antes da remoção do perfil. E assim identificando a veracidade do caso, e a face dos autores.

“O e-mail com as fotos foi encaminhado para a Promotoria Regional de Camaçari para ser distribuído a um promotor de Justiça tomar as medidas cabíveis para apuração dos fatos, como solicitação da abertura de inquérito policial para investigar o suposto crime”, diz a nota.

A situação será apurado pelo promotor Luciano Pitta, que atua na área de Meio Ambiente no município.

Em sua denúncia, o Gapar cobrou o posicionamento de vereadores que foram eleitos defendendo a causa animal. 

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores