STJD converte pena em multa, e Paulo Carneiro está livre para representar o Vitória

 STJD converte pena em multa, e Paulo Carneiro está livre para representar o Vitória
Compartilha
[wp_bannerize group="Pub - Inferior notícias" random="1" limit="1"]

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, conseguiu reverter da pena que deveria cumprir no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O cartola protagonizou um pandemônio na partida entre Vitória e Ceará, no dia 26 de agosto no Barradão (relembre aqui). O dirigente ameaçou a arbitragem e o meia Vina, do Vozão. Além disso, ele assistiu parte do jogo à beira do campo, o que não é permitido pela CBF (saiba mais aqui). Na ocasião, o mandatário do Leão pegou um gancho de 135 dias, além de uma multa de R$ 65 mil.

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores