Secretário alerta para crescimento de casos de coronavírus e descarta vacinação em janeiro

 Secretário alerta para crescimento de casos de coronavírus e descarta vacinação em janeiro
Compartilha
[wp_bannerize group="Pub - Inferior notícias" random="1" limit="1"]

Segundo Fábio Vilas-Boas, países do Hemisfério Norte devem ter prioridade por causa do inverno

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, alertou para o possível crescimento de casos de coronavírus no interior do estado em virtude das aglomerações realizadas em movimentos políticos com carreatas, passeatas e paredões móveis. Durante o Papo Correria, na noite desta terça-feira (20), ele afirmou que apesar da queda no número de óbitos e de pacientes internados, a queda nos novos casos registrou redução nos últimos 20 dias.
Vilas-Boas ainda comentou sobre a possibilidade de vacinação da população já em janeiro de 2021 e afirmou que “é algo muito pouco provável de acontecer”. De acordo com o secretário, o inverno pode agravar a situação dos casos da Covid-19 e, por causa disso, os países que ficam no Hemisfério Norte devem ter prioridade para o início das aplicações da vacina. Com isso, o Hemisfério Sul, onde se encontra o Brasil, deve ter a vacinação iniciada em um segundo momento.

Reprodução: Bahia.Ba

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores