LAMENTO O FATO, MAS ELE NÃO ESTAVA NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO”, DIZ PRESIDENTE DA OAB SOBRE ADVOGADO ACUSADO DE MATAR BARBEIRO.

 LAMENTO O FATO, MAS ELE NÃO ESTAVA NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO”, DIZ PRESIDENTE DA OAB SOBRE ADVOGADO ACUSADO DE MATAR BARBEIRO.
Compartilha
[wp_bannerize group="Pub - Inferior notícias" random="1" limit="1"]

O presidente da Ordem dos Advogados da Bahia (OAB-BA), Fabrício Castro, informou ao BNews que o órgão não vai se manifestar sobre o caso do advogado, de prenome Geraldo, acusado de ser autor da morte do barbeiro, Lucas Souza Araújo, de 29 anos, que aconteceu no bairro Imbuí, em Salvador.

“Ele não estava no exercício da profissão, lamento o fato, mas espero que ele seja julgado respeitando o direito de defesa”, disse Fabrício Castro. Questionado sobre o que poderia acontecer com a carteira do advogado, o presidente explicou que deve passar por avaliação do Tribunal de Ética.

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores