Biomédico é preso em Ondina suspeito de vender drogas por delivery para bairros de classe média de Salvador

 Biomédico é preso em Ondina suspeito de vender drogas por delivery para bairros de classe média de Salvador
Compartilha

Duas pessoas foram presas, na manhã desta sexta-feira (16), após a deflagração de uma operação contra o tráfico de drogas em Salvador. Mandados de prisão e busca e apreensão foram cumpridos nos bairros de Ondina e Federação.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), um dos alvos da ação é um biomédico suspeito de fazer o preparo das drogas. Na casa dele, que fica no Alto de Ondina, a polícia encontrou maconha do tipo haxixe.

“Um dos nossos alvos era um biomédico no Alto de Ondina que sabia como manusear e fazer todo o preparo dessas ‘superdrogas’, comercializadas de forma mais cara e feitas para um público elitizado. A droga foi encontrada com ele, levando à prisão em flagrante também por tráfico de drogas”, explicou o titular da 1ª Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), delegado Yves Correia.

Ainda segundo o titular da DTE, o biomédico vendia as drogas por delivery para bairros de classe média da capital baiana. “Soubemos que ele fazia as entregas da droga via delivery em bairros de classe média alta, a exemplo de Stella Maris”, disse.

A ação foi deflagrada por agentes do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), para onde os presos foram encaminhados, junto com os 600g de maconha apreendidos na operação.

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores